Manifestações Divinas


Um crente viajou durante vários meses para chegar à presença de Bahá’u’lláh. Ao chegar a Akká, foi recebido por Bahá’u’lláh, juntamente com outros peregrinos. Quando voltou para a casa dos peregrinos, começou a pensar: “Aceitei as privações e as dificuldades de uma viagem de seis meses para alcançar Akká e testemunhar algum evento extraordinário e divino, mas Bahá'u'lláh fala como os outros homens e as Suas instruções e ensinamentos são semelhantes aos de outros homens. Talvez aqui não haja nada de extraordinário ou milagroso”.

Enquanto estava imerso nestes pensamentos, um dos crentes disse-lhe que Bahá'u'lláh queria vê-lo a sós. Ele foi imediatamente ao encontro da Abençoada Beleza e afastou a cortina de entrada do quarto onde Ele estava, para se aproximar. Baixou-se reverentemente e viu instantaneamente a Abençoada Beleza como uma luz incrivelmente brilhante e deslumbrante, e tão intensa foi a sua experiência daquela Luz que caiu no chão e perdeu a consciência. Apenas se recordava de Ele dizer: "Vá em paz e sob a proteção de Deus"

Alguns crentes arrastaram-no para o corredor e, posteriormente, para a casa de peregrinos onde estavam hospedados. Não conseguiu comer nem dormir durante dois dias. Mais tarde ele dizia que era como se visse a Sua presença avassaladora em todos os lugares por onde passava e, constantemente, dizia aos outros peregrinos: "Ele está aqui".

Passados mais dois dias, foi novamente chamado à presença de Bahá'u'lláh. Quando chegou à Sua Presença, foi invadido por uma amorosa bondade e uma expressão graciosa. Bahá’u’lláh pediu-lhe que se sentasse e disse: "As Manifestações da Essência Divina são forçadas a aparecer com forma e vestimentas humanas. Se o Seu verdadeiro Eu, que está por trás do véu da ocultação, aparecesse, então toda a humanidade, tal como tu, perderia a sua consciência e desapareceria no reino do inconsciente".

Bahá'u'lláh continuou: "Sabes como é que os papagaios são ensinados a falar? Os donos do papagaio têm um papagaio dentro de uma gaiola e colocam-no em frente de um grande espelho. Então, um homem esconde-se atrás do espelho e começa a falar e a repetir frases. O papagaio vê que há um outro papagaio idêntico a si próprio a falar na gaiola à sua frente (refletido no espelho) e então, começa a imitá-lo e aprende a falar. Se a pessoa atrás do espelho se revelasse desde o início, o papagaio nunca aprenderia a falar".

"É assim que as Manifestações do Divino devem vir ao mundo, de forma humana e em roupagens humanas, para que não amedrontem a humanidade com o Seu Ser que infunde o temor reverencial…"

Este homem foi de tal modo transformado, por ter estado na Presença de Bahá'u'lláh, que alcançou um discernimento espiritual tal, que lhe permitiu prever a noite da sua própria partida deste reino terreno.

Fonte: Hadi Rahmani, Payam-i Bahá'í 366


Contacte-nos:

Comunidade Bahá'í de Portugal

Rua Cidade de Nova Lisboa, Nº 17

1800-107 Lisboa

Tel: (+351) 217 590 474

Email: info@bahai.pt

Encontre-nos online:

  • Facebook - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
footer3_v2
footer4_v2
footer5_v2
footer7_v2
footer2_v2
footer6_v2
footer1_v2
footer8_v2